domingo, novembro 27, 2005

Azeite: o "sumo" das azeitonas.

Diversos estudos comprovam os benefícios do azeite na saúde, como por exemplo no sistema cardiovascular, devido à gordura monoinsaturada, que é protectora das doenças coronárias.
Tal como se diz que o vinho é o sumo das uvas, o azeite é o sumo das azeitonas.
O azeite é rico em antioxidantes e sabe-se que estes neutralizam as substâncias nocivas ao organismo, em especial aquelas que actuam negativamente sobre o sistema cardiovascular.
Este alimento tem igualmente influência no colesterol, uma vez que aumenta o colesterol bom (HDL) e transporta o mau (LDL) para o fígado, onde é eliminado.
O aparelho digestivo também é beneficiado com o consumo do azeite, pois, comparativamente a outras gorduras, é a mais bem digerida a nível da vesícula.
Tem, ainda, um efeito protector e tónico sobre a pele, favorece a absorção de cálcio e é um bom fornecedor de vitaminas A, D, E, K.
Além do mais, está associado a pratos que favorecem a alimentação saudável e, por isso, previnem o aparecimento de doenças relacionadas com os maus hábitos alimentares.
Porém, não se deve esquecer que o azeite é uma gordura. Cada grama fornece nove quilocalorias e se uma colher de sopa tem cerca de 10 g significa que se ingerem 90 quilocalorias. Há que se ter cuidado no seu consumo, para que não se consuma mais calorias em azeite que em toda a refeição. O consumo tem de ser moderado e de acordo com as necessidades.Actualmente já existe no mercado um azeite especial para bebés, de baixa acidez (0,2%), sabor mais suave e extraído a frio.

quarta-feira, novembro 09, 2005

Pela sua súde... coma Alho

São vastos os estudos científicos que demonstram e comprovam a eficácia do alho como remédio". Segundo eles, o alho contém as seguintes propriedades salutares:
-reduz o colestrol;
-baixa a tensão arterial;
-reforça o sistema imúnitário;
reduz os triglicéridos (gordura sanguínea);
-previne constipações e infecções.
Porém, este "remédio miraculoso", como todos os outros, tem os seus efeitos secundários:
-um forte odor e um hálito intenso a alho, devido ao aminoácido alina, que ao ser decomposto pela enzima alinase, produz o componente activo alicina (responsável pelo intenso odor e detentor das propriedades salutares).
Porém, estes são efeitos secundários míninos e até já há no mercado suplementos à base de alho com esses efeitos bastantes atenuados reduzidos.
Como vê a sua saúde está mesmo à mão....AGARRE-A!

sexta-feira, novembro 04, 2005

Dedique-se ao jardim!



A jardinagem é uma actividade triplamente proveitosa!!!
Não sabe como? Ora veja: é um óptimo exercício relaxante; contribui para a boa forma física (imagine a quantidade de calorias que queima ao cortar a relva e a quantidade de massa muscular que ganha...- deste ponto de vista, quanto maior o jardim melhor!) e no fim, fica com uma obra de arte feita por si. Enfím, jardinar está na moda!
Não se esqueça que Novembro é um mês propício para cultivar o seu jardim, introduzindo novas espécies. Para quem gosta de hortênsias ou à terceirense cachopas, esta é a altura ideal para as colocar na terra. Saiba que elas "pegam de galho", ou seja, basta pegar num pedaço de caule e introduzir na terra. Florescem pela altura do S. João.
P.S. Não se esqueça de usar as luvas!